ALVORADA DA ESPERANÇA

PMMA 1

 

MENSAGEM DO DIA AOS POLICIAIS MILITARES (CLAMOR E LOUVOR – Salmos 107:21-30)

 

“Na sua aflição, clame ao Senhor, e Ele os livrará da tribulação em que se encontrar” (V. 28).

 

Desgarrados, solitários, famintos, sedentos, angustiados, trôpegos, em trevas, sombra da morte; transgressão, iniquidade, destruição, tempestade, abismos – a lista é maior! O salmo nos mostra necessitados da ajuda de Deus. Certamente as pessoas viveram itens desta lista e quando clamaram em oração, experimentam: remissão, caminho reto, bondade, maravilhas, fartura, bens, liberdade, cura, calmaria, rios, lagos, gado, alto retiro – e a lista também é maior! Mas é preciso clamar. Quem experimenta uma vida com Jesus, sabe que essas bênçãos serão até o dia do encontro com ele na eternidade, com um corpo incorruptível, onde não haverá mais dor. O salmo também é intercalado por uma ordem: “Louvem ao senhor”. Experimentar o louvor em meio ao clamor é ter paz, ver as necessidades dos outros, vislumbrar o agir de Deus numa fé que o agrada. É contemplar Deus e não o clamor ou a razão deste. Clamor e louvor parecem opostos, mas se combinam perfeitamente quando acontece num relacionamento pleno com Deus. Outros salmos nos ensinam a louvar a Deus – ele é bom, misericordioso, nosso refúgio, fortaleza, lugar forte…, uma lista infinita em qualidade. Clamar é nossa necessidade, louvar é caminhar a segunda milha em nossa fé. Então louve!

Ref.: Manancial – União Feminina Missionária Batista do Brasil.