Comandante geral da PMMA traça estratégias e faz balanço das ações em reunião com comandantes de unidades operacionais

Logomarca PM 

O comandante geral da Polícia Militar do Maranhão, coronel Marco Antônio Alves esteve reunido, na última quarta-feira (9),  com os comandantes das unidades operacionais da capital e do interior do estado. Na reunião, que ocorreu no auditório do quartel da PMMA, no Calhau, em São Luis, estiveram presentes, ainda, os coronéis da corporação e os comandantes de Áreas Metropolitano I, II e III, do Comando Especializado e de Segurança Comunitária.

 Na ocasião foi traçada estratégias de trabalho e atuação para 2016, bem como feito um balanço das ações desencadeadas durante o ano de 2015. Acompanharam, também, a reunião, o subcomandante da PMMA, coronel Ismael Fonseca e o coronel Gonçalo Sousa, comandante do Policiamento do Interior. 

Sem título-1“ Nos reunimos com os comandantes  seguindo uma orientação do governador e do secretário de segurança para tratarmos das normas gerais no tocante aos procedimentos que devem ser adotados na nossa corporação para que tenhamos os melhores resultados operacionais e no campo administrativo e ainda falar das ações que devem ser realizadas no âmbito da capital e do interior do estado”, explicou o comandante geral da PMMA.

O coronel Alves afirmou, também, que o Governo do estado tem dado respostas e alcançado a categoria da Polícia Militar, no tocante a salário, promoções e estar reaparelhando toda a corporação a fim obter os melhores resultados.  Ele lembrou ainda que as demandas ainda não foram atendidas este ano, o Comando da PMMA já montou um planejamento e de acordo com cada prioridade atenderá as demandas.

Melhorias- Durante a reunião, o coronel Alves lembrou os investimentos feitos pelo governo do estado para as forças policiais do Maranhão. O comandante geral da PMMA destacou a recomposição do efetivo da Polícia Militar que recebe, ainda, este mês 1345 novos soldados. Os alunos estão em fase de conclusão do curso de Formação de Soldados (CFSD), no CFAP. Além dos novos soldados, no ano de 2016, a PM receberá mais 300 novas modernas viaturas que estarão equipadas com moderna tecnologia e 100 novas motocicletas, que darão mais agilidade e rapidez no atendimento as ocorrências policiais em todo o estado.

“Adquirimos ainda fuzis e pistolas, bem como coletes e carabinas, todas essas medidas foram tomadas a fim de atender a demanda dos novos soldados que serão incorporados. Pensamos na ação e nos resultados que haveremos de alcançar e assim diminuir de forma significativa a criminalidade na capital e no interior do estado”, completou o coronel Alves.

Sem título-2