Em três meses, 19º BPM retira 30 armas de circulação

19bpm

Com um combate mais efetivo a criminalidade em toda a região do médio Mearim, o 19º BPM apreendeu, nos últimos três meses,  30 armas de fogo. O bom desempenho dos policiais militares, que compõem a unidade operacional sediada em Pedreiras, se deve a reformulação administrativa e operacional dada pelo tenente-coronel Everaldo Coutinho, que comanda o Batalhão há três meses.

Um dos pontos que se destacam durante esses noventa dias de gestão do tenente-coronel Everaldo Coutinho, foi à valorização do policial militar. Para atingir tal fim, o comando do 19º BPM adotou várias medidas, entre elas, aquisição de uma academia de médio porte para os policiais utilizarem nas folgas de serviço diário; melhoria e incremento da alimentação dos policiais militares, refazendo parcerias e fortalecendo antigos vínculos; incremento do abastecimento diário no combustível das viaturas, o que tem gerado reflexos positivos e os resultados se fazem sentir no sucesso operacional nos últimos três meses.

Outra melhoria realizada foi nas dependências internas do quartel. A medida visa contemplar os anseios do público interno da Polícia Militar, de forma que, toda a melhoria no bem estar dos policiais se traduz em um melhor serviço prestado à população.

Operacionalização

Em relação às ações específicas de operacionalização da Polícia Militar na região, o comando do 19º BPM recuperou mais de 10 viaturas que apresentavam problemas e por não estarem sendo utilizadas comprometiam o desempenho da PM na área e contribuíam para um aumento da criminalidade em toda a região. Atualmente, todas as viaturas passam periodicamente por manutenções elétricas e mecânicas a fim de evitar que, por algum problema, a viatura deixe de circular e fazer rondas. Hoje, com as viaturas nas ruas, a população tem mais tranquilidade.

Parcerias

Buscando fortalecer a parceria com a população e fortalecer ainda mais a aproximação da polícia militar com a comunidade, o tenente-coronel Everaldo, em várias reuniões, discutiu segurança pública com diversos segmentos sociais, sempre buscando ouvir os anseios e demandas das comunidades.

Entre as várias ações desenvolvidas, o comando do 19º BPM, através do projeto inédito na região conhecido por “Urna Cidadã”, que trata da iniciativa de distribuir urnas pelas ruas da cidade de Pedreiras de forma estratégica, a fim de facilitar a participação popular nas iniciativas do comando. Além de Pedreiras, outras cidades da região também serão contempladas. “As urnas tem o objetivo de receber denúncias, críticas e sugestões de cidadãos que não se sintam a vontade para utilizar outros meios de comunicação já disponíveis. É uma forma de fazer uma gestão participativa e a possibilidade de todos os cidadãos que desejam contribuir para a construção de um segurança pública ainda melhor também participarem”, completou o tenente-coronel Everaldo.

Resultados

Como resultados a população de Pedreiras e região têm sentido a melhoria e aumentado da sensação de segurança. Nesse período, além das trinta armas de fogo apreendidas, dando uma média de uma apreensão a cada três dias.  Só no mês de outubro 16 armas foram retiradas de circulação.

De acordo com o tenente-coronel Everaldo Coutinho a retirada de arma de fogo evita uma serie de crimes, entre eles, homicídios, assaltos, furtos, entre outros delitos.
“Estamos diuturnamente nas ruas combatendo o crime e buscando sempre motivar e dar bom exemplo á tropa. Desde que assumimos o comando do 19º BPM mostramos aos policiais que integram o Batalhão que não podemos medir esforços para garantir a segurança da população, Todos [oficiais e praças] precisam estar engajados com esse proposito. Prova disso foi que durante uma passagem pelo município de Trizidela do Vale, percebi que um homem transitava em atitude suspeita e ao fazer abordagem apreendi dois revólveres calibre 38”, lembrou o comandante do 19º BPM.

Além das armas, mais de 40 veículos tomados de assaltos foram recuperados desde o começo de agosto. Todos os veículos foram devolvidos aos seus respectivos proprietários. Várias operações e incursões foram desencadeadas, entre elas, a que culminou com a apreensão de cargas fruto de contrabando, que somadas ultrapassam o valor de R$ 500 mil reais.

1