Investimentos em qualificação e equipamentos dinamizam ações da PM em todo o estado

brasao pm

Um policial bem formado, bem treinado e com equipamentos novos e modernos, valorizado enquanto integrante da Polícia Militar e com reconhecimento pelos serviços prestados à população. Estas têm sido as tônicas dos avanços alcançados pela corporação ao longo destes doze meses. Os bons resultados alcançados no combate mais intenso a criminalidade é fruto de uma serie de investimentos em qualificação/treinamento e ainda de outros ganhos a categoria dos praças e de oficiais que formam a PMMA.

“Desde que assumimos o comando da PM estivemos preocupados em recuperar a auto estima da corporação, por isso estamos buscando diariamente desenvolver ações que tragam melhores condições de trabalho aos policiais militares. Uma das formas foi apresentar o projeto de promoções ao Governador Flávio Dino e ao secretário de Segurança Pública, Jefferson Portela, o que resultou na maior promoção da história da PMMA. Promovemos 1414 praças, pondo fim a espera de mais 22 anos de alguns policiais que aguardavam para ascender a mais uma graduação na carreira militar”, comentou o coronel Marco Antônio Alves, comandante geral da PMMA afirmando que ainda este mês ocorrerão mais 500 promoções.

Ainda na lista das ações voltadas para a valorização do policial militar, o Governo do Estado por meio do Comando da Polícia Militar reformou e ampliou o Centro de Assistência Médica e Social (CIAMS) da corporação. Após a inauguração, em agosto deste ano, os familiares e dependentes dos policiais militares puderam ter acesso a diversas especialidades. Antes da reforma, o número de atendimentos era reduzido e mulheres e filhos dos militares não tinham um local específico para receber atendimento. No CIAMS, atualmente, o PM e seus dependentes contam com as especialidades de ortopedia, pediatria, proctologia, cardiologia, ginecologia, endocrinologia e ainda tem acesso a serviços odontológicos, como periodontia e clinica menor, também, resultado da ampliação do Centro.

As ações do CIAMS foram direcionadas ainda para os policiais que estão aposentados. Foi criado o Programa de Preparação para a Reserva Ativa, no qual já foi iniciada a primeira turma com apresentação de workshops, atividades grupais visando a integração e a troca de experiências, bem como treinamentos em projetos pós-carreira e empreendedorismo.

Qualificação – Como parte das ações de qualificação da tropa que vai para as ruas em atendimento a população, o comando geral da PMMA redefiniu as estratégias de atuação da Diretoria de Ensino da PMMA. Com uma nova atuação, vários cursos foram ofertados, possibilitando que a tropa pudesse se qualificar e assim prestar um serviço de melhor qualidade. No mês de novembro, 27 policiais militares de diversas unidades operacionais estão participando de cursos em outros estados. As capacitações variam desde doutorado, mestrado, Curso Superior de Polícia e Curso de Ações Táticas Especiais e de Patrulhamento Urbano, este realizado no estado do Pará. Além destes, 200 policiais militares, entre tenentes e sargentos, concluíram o Exame de Aptidão Física (EAP) e estão aptos a serem promovidos.

Além da qualificação dos que já compõem a PMMA, 1435 alunos do Curso de Formação de Soldados (CFSD), que integram duas turmas no CFAP e estarão nas ruas reforçando as ações, já em dezembro, também passaram por um treinamento diferenciado. No centro de Formação da PM, a qualificação foi voltada, dentre as várias disciplinas da grade curricular, para temas com enfoque nos princípios de cidadania com base na filosofia de respeito à vida, à integridade física e à dignidade da pessoa humana.

Números – Como um empenho ainda maior das equipes da Polícia Militar, o Sistema de Segurança Pública do Maranhão foi fortalecido e os números demonstram um aumento no número de apreensões de arma e drogas. Um levantamento do Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops) contabilizou, que de janeiro a novembro deste ano, foram retiradas de circulação 979 armas de fogo. “Quando se retira uma arma de circulação estamos evitando homicídios, furtos e roubos”, lembrou o coronel Alves.

Para dar um suporte ainda maior às ações nas ruas, a Polícia Militar receberá, no primeiro semestre de 2016, mais 300 novas viaturas que estarão equipadas com alta tecnologia e mais 100 motocicletas. Ainda como parte do reaparelhamento da Polícia Militar já foram adquiridos armamentos, coletes, rádio com tecnologia digital garantido, assim, melhores condições de trabalho aos policiais militares.

“Adquirimos ainda fuzis e pistolas, bem como coletes e carabinas, todas essas medidas foram tomadas a fim de atender a demanda dos novos soldados que serão incorporados. Pensamos na ação e nos resultados que haveremos de alcançar e assim diminuir de forma significativa a criminalidade na capital e no interior do estado”, completou o coronel Alves.

 Já na área de combate aos assaltos a ônibus na região metropolitana, o Comando Geral da PMMA determinou que fossem intensificadas as ações e lançou a Operação Transporte Seguro. Em um mês de atividades, a operação  reduziu em 16%, o número deste tipo de ocorrência. Nos dados contabilizados, houve um aumento de 23% no número de apreensão de arma de fogo e 15%, no número de prisão em flagrante. “A sensação que tenho é que a polícia militar estar abordando mais os ônibus. Apesar de alguns reclamarem porque temos que parar e descer do ônibus, mas sabemos que isso impede que algum assaltante circule entre a gente”, disse o eletricista José Mario da Silva, que utiliza todos os dias o transporte coletivo em São Luis.

Ainda em relação ao combate a criminalidade, os números vêm apresentando queda.  No acumulado de nove meses houve uma redução de 10% no número de homicídios e de 22% em todo o estado. De acordo com o comandante geral, além dos homicídios, a Polícia Militar tem trabalhado, de forma efetiva com operações planejadas e com ações estratégicas em várias frentes, o que tem resultado na identificação e prisão de criminosos.
 
“Os resultados até aqui alcançados reveste-se do grau de profissionalismo de nossa tropa e, do desejo pujante em colaborar com a segurança pública e fazer com que o cidadão maranhense tenha sempre tranquilidade”, finalizou o comandante geral da PMMA.

BOX (AVANÇOS) DA PM em 2015)

– Início de duas turmas do Curso de Formação de Soldados (CFSD) totalizando 1.435 alunos sendo treinados no CFAP;
– Ampliação do Centro Integrado de Assistência Médica e Social (CIAMS)
– Maior promoção da história da PM com 1414 praças e 118 oficiais;
– Desde o início do ano foram retiradas de circulação mais de mil armas;

1

2

3

4