PM reforça policiamento em pontos turísticos de São Luís

cptur

 

02

Durante o mês de julho, período de férias, a cidade de São Luís recebe o maior número de turistas de diversas partes do Brasil e do Mundo, pensando na tranquilidade e segurança de quem escolhe a capital dos azulejos como destino, a Companhia de Policiamento de Turismo (CPTur) deflagrou a Operação Férias, nesta sexta-feira (3). As ações se estendem até o dia 31 de julho.  Áreas como Centro Histórico, Lago da Jansen, Espigão e Península da Ponta D’Areia e Litorânea terão o patrulhamento reforçado.

Estão sendo empregados cerca de 150 homens na operação.  As equipes atuarão nas modalidades de policiamento a pé, motorizados e por viaturas. Para as praias, o comando da CPTur destinou motocicletas que farão o patrulhamento em toda a orla. Além delas, viaturas do Ronda da Comunidade também realizarão diligências a fim de evitar que frequentadores dos locais turísticos e ludovicenses sejam vítimas de algum delito.

De acordo com o major Roberto Filho, comandante da CPTur, as ações são voltadas para atender tanto o turista quanto os ludovicenses. “Já estamos atuando na repressão aos crimes nas praias e a partir de agora vamos reforçar nossas ações em todos os pontos turísticos da capital, pois sabemos que neste mês muitas famílias procuram a São Luís para se divertir. Os militares estão atentos e sempre próximos do cidadão a fim de garantir que o passeio familiar ocorra sem incidentes”, afirmou o oficial da PM.

 

Centro Histórico

Uma das áreas que receberá maior atenção da Polícia Militar é o Centro Histórico de São Luís. No local, a Companhia de Policiamento de Turismo (CPTur) instalou uma Base Comunitária que funciona 24horas e conta com policiais que realizam atendimentos em inglês, francês, espanhol e italiano. Além da segurança dos frequentadores da praça, policiais motorizados fazem rondas pelas ruas do Giz, Portugal, área da Casa do Maranhão e outras vias.

A Polícia Militar alerta ainda que em casos de ocorrências como perda, extravio ou furto de documentos e/ou pequenos aparelhos eletroeletrônicos, como celulares e notebooks, o cidadão pode fazer o registro da ocorrência pelo serviço da Delegacia On Line, por meio do http://www.delegaciaonline.ma.gov.br.

01