PMMA desencadeia operação de segurança no PAES da UEMA

1Ao meio dia de domingo (08), os portões de centenas de escolas em 21 cidades do Maranhão foram abertos para mais de 42.000 candidatos participarem do Processo Seletivo de Acesso à Educação Superior (PAES 2016) da Universidade Estadual do Maranhão.

Na Segunda-feira (10), será o último dia de provas. Este ano o número recorde de público exigiu um plano especial de segurança coordenado pelo coronel Antônio Roberto dos Santos Silva (Diretor de Ensino da PMMA). Segundo o coronel, foram várias reuniões que aconteceram desde o mês de outubro envolvendo além da PM, representantes da UEMA, SMTT (Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes) e outros órgãos do estado.

Um dia antes do certame, oficiais da corporação viajaram com destino aos locais de prova, onde participaram de reuniões com os órgãos locais. Na capital, além do policiamento executado para garantir a segurança do candidato desde a saída de sua casa até o local da prova, os policiais militares participaram na segurança dentro das escolas.
 
No Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops), foi montada uma estrutura que contou com a participação de policias militares da Diretoria de Inteligência e Assuntos Estratégicos (DIAI), de guardas da SMTT e da chefe da divisão de operações de concursos vestibulares da UEMA, professora Márcia Cristina. Desde o início da manhã de domingo (09) o diretor do Ciops, coronel Jorge Allen Guerra Luongo, e o coronel Roberto coordenaram as atividades com apoio do serviço de monitoramento das câmaras e mantiveram contatos constantes com os oficiais que estavam a frente da segurança nas escolas na capital e em todas as cidades onde ocorreram as provas.

Para o coronel Roberto, todo planejamento e apoio de outros órgãos contribuíram para a tranquilidade de um dos maiores eventos do calendário escolar do Maranhão. “As reuniões que tivemos com os órgãos envolvidos para a elaboração e execução da operação, foram importantes para o êxito das ações. A PM reforçou o efetivo nas ruas e dentro das escolas para garantir toda segurança ao evento”. Disse o diretor de ensino da PMMA.
2