PM’s do 1º BPM apreendem armas de fogo e drogas na sua área de atuação

Em várias ações distintas policiais militares do 1º BPM aprenderam armas de fogo, drogas e prenderam criminosos na sua área de atuação. As ações aconteceram nos Bairros do Gapara, Vila Embratel e Vila Maranhão e resultaram na detenção de sete suspeitos e apreensão de dois adolescentes. 

22

Na tarde de segunda-feira (5),  policiais militares do Grupo de Serviço Avançado prenderam na Vila Sapinho, no Gapara,  por porte ilegal de arma, tráfico de drogas e violência contra mulher, Leandro Serra, “vulgo Bad Boy”. Com ele a PM aprendeu um revólver calibre 32, com uma munição, quarenta e sete trouxinhas de maconha prontas para a comercialização, uma balança de precisão, dois celulares e um relógio, além de 17 reais em dinheiro.

À noite também na segunda-feira, policiais militares da Malha Metropolitana (viatura 16-088) prenderam Celso Henrique Barbosa Souza, morador da Cidade Nova (Gapara), Pedro Enrique Lima, Itapera (Maracanã), Bruno Augusto Furtado Almeida e Wanderson Carlos Aguiar Pereira, ambos moradores do Alto da Esperança. Eles foram detidos  durante uma abordagem a um coletivo na Avenida dos Portugueses. Segundo o motorista do ônibus o quarteto pretendia assaltar o coletivo. Na ação foi apreendido um revólver calibre 38, em poder de Celso Henrique.

Na tarde de terça-feira (6), o GSA do 1º BPM prendeu na  região do Sitinho, na Vila Embratel, acusado de tráfico de entorpecentes o casal; José Ribamar Ferreira Sousa, “Dedega” e Andrelina Alves Pereira. Com eles os militares apreenderam doze de crack prontas para comercialização, duas porções de cack de 100 gramas, além de celulares e um relógio.

Os militares informaram que José Ribamar, admitiu que estaria fragmentando a droga para depois comercializá-la. Os militares informaram ainda que o conduzido é suspeito também de participação no homicídio de Wadson de Jesus Costa, o “ Grafite,  crime esse praticado no dia 17 de dezembro de 2017.

Já à noite, na Vila Maranhão durante uma abordagem. Policiais militares do Esquadrão Falcão aprenderam com dois adolescentes trinta e cinco papelotes de maconha, cinco cabeças de crack e treze reais em dinheiro.

Em todas as ações os materiais apreendidos e os conduzidos foram apresentados na delegacia para as providências cabíveis.