Tiradentes Patrono da Polícia Militar

Batizado Joaquim José da Silva Xavier, “Tiradentes” era brasileiro filho de pai português e mãe brasileira. Nasceu numa fazenda que hoje está no município de Ritápolis, próximo a São João Del Rei, pertencente a seu pai. Ficando órfão ainda criança, foi criado por um tio, que lhe ensinou a arte de dentista, donde lhe veio a alcunha de Tiradentes. Trabalhou muitos anos como mascate ao longo das estradas, tendo ido até a Bahia, conhecia plantas medicinais e como fazer curativos, fez projetos de captação de água e construção de armazéns e outras obras no Rio de Janeiro.
Sua historia com a Polícia Militar começou aos 29 anos de idade quando entrou para o Regimento de Cavalaria de Minas Gerais como Alferes, correspondente a Tenente hoje. Na época não havia separação entre Exército, Polícia Militar e Polícia Civil, tudo era feito pela mesma tropa. Sua tropa esteve destacada junto às estradas para perseguir e prender os bandoleiros que as infestavam. Uma de suas missões foi abrir parte da estrada que ligava Vila Rica ao Rio de Janeiro.
Em sua luta por um país mais justo, participou de movimentos populares contra os desmandos e altos impostos da Coroa Portuguesa na extração e mineração de metais preciosos. Defendia a forma de governo republicana, inspirados pelas ideias iluministas da França e da Independência dos Estados Unidos da América (1776), sendo considerado um dos maiores precursores da República no país.
Desde 1965, no dia 21 de Abril, celebra-se no País o Dia de Tiradentes e junto à pessoa deste, a lembrança da Inconfidência Mineira. Tiradentes passou então a ser considerado um herói nacional e Patrono da Nação Brasileira.
Dia 21 de Dia das Polícias Militares e Civis
Em 29 de abril de 1946 o então presidente Eurico Gaspar Dutra instituiu o dia 21 de abril como o Dia das Polícias Militares e Civis, sendo o Mártir da Independência considerado o Patrono Cívico da Nação e das Polícias Militares e Civis do Brasil por sua demonstração de amor à Pátria.
Segundo o dicionário Aurélio “Patrono” é uma personalidade escolhida como figura exemplar, que encarna ou sintetiza as virtudes características de um segmento da sociedade, mantendo vivas as suas tradições. Por esse motivo e por suas diversas qualidades Tiradentes foi escolhido como patrono das polícias militares, motivo de muito orgulho e comemoração.