Governo do Estado do Maranhão premia policiais militares que mais apreenderam armas no estado

Na manhã desta segunda (11/02), no palácio dos leões, o Governador Flávio Dino premiou policiais militares que se destacaram no desempenho da atividade policial. A premiação faz parte da iniciativa publicada pelo governo do estado no ano de 2016 que faz parte do programa pacto pela paz e visa premiar policiais militares e civis que mais se destacaram durante o desemprenho de suas atividades tais como apreensão de arma de fogo.
Policiais maranhenses, entre civis e militares, foram premiados pelo montante de 1.427 armas apreendidas em 2018. O reconhecimento é um pioneirismo da gestão Flávio Dino e integra o programa Pacto pela Paz.

Nesta 3ª edição foram premiados: o 3º sargento Joelson Lima, o 3º sargento Manoel Pacheco e o soldado Kleyson Leonan todos do 16º BPM (Chapadinha) que juntos apreenderam mais de 90 armas no ano de 2018 e receberam das mãos do governador Flávio Dino o prêmio de R$ 20.000,00 (vinte mil reais) cada.

“Escolhemos essa modalidade de reconhecimento por acreditar que estímulos econômicos reforçam a eficiência. Nos alegra ver as equipes otimizando esforços pela redução de armas em mãos erradas nas ruas”, disse o governador.
“Nós temos um crescimento ano a ano da ação policial resultando da retirada de armas ilegais da sociedade e com isso temos um impacto efetivo com a redução dos homicídios”, afirma o governador

O secretário de Estado de Segurança Pública, Jefferson Portela, pontuou que “a ocasião se traduz no devido e merecido reconhecimento aos policiais do Maranhão, que estão compromissados e coesos com o dever de se defender o cidadão e fazer cumprir a lei, e nos orgulha e alegra prestar-lhes este reconhecimento”.

O comandante geral da PMMA coronel Jorge Luongo parabenizou os policiais e disse que “o prêmio é importante pois traz um reconhecimento pessoal para o Policial, além de motivar a agir de forma legal e ética “ ressaltou ainda que o prêmio é apenas um dos pontos do decreto que prevê ainda outros benefícios, como o pagamento de R$ 300,00 (trezentos reais)  a R$ 1.500,00 (mil e quinhentos reais),  para todos os policiais que apreenderem armas de fogo contemplando quase que todos os policiais do estado.
Lotado no 16° Batalhão de Chapadinha, o sargento da Polícia Militar Emanuel Pacheco Neto é reconhecido por meio do programa pela terceira vez. Nesta última premiação, foi responsável pela retirada de 88 armas de fogo de circulação.
“Esse é um excelente programa que contribui para diminuir o número de armas ilegais nas ruas, assim como a ação do crime. Está de parabéns o Governo por essa homenagem e nós e nossos colegas, pelo alcance”, enfatizou.